sexta-feira, 4 de setembro de 2020

FRANÇA FECHA 22 ESCOLAS APENAS 3 DIAS APÓS RETOMADA DAS AULAS



Todo cuidado é pouco nesse momento em que o mundo esta vivendo com a chegada desse novo habitante a COVID-19, é preciso abrir e aprendermos a conviver com o vírus, mas, é preciso que cada governante saiba qual o tipo de comércio que pode funcionar e quais os cuidados que devem ser tomados com essa reabertura. O ministro da Educação da França, Jean-Michel Blanquer, informou nesta sexta-feira (04) que o governo já precisou fechar 22 escolas no país por conta de ao menos um caso de coronavírus (Sars-CoV-2) em sala de aula. Ao todo, 100 classes foram afetadas.

O ano letivo 2020/2021 foi iniciado na terça-feira (1º/9) e as escolas foram fechadas até ontem, segundo informou Blanquer. Das instituições fechadas, 10 ficam na ilha de Reunião - território ultramarino francês - e outras 12 ficam no continente.

Blanquer ressaltou que esses números "mudam todos os dias" porque cerca de 250 protocolos de suspeita de positividade para a Covid-19 são registrados diariamente. A maior parte dessas infecções suspeitas são "ligadas a fatores externos às escolas, com pessoas que foram contaminadas antes da retomada das aulas".


Ao todo, a França tem cerca de 60 mil escolas.

Conforme os dados do Centro Universitário Johns Hopkins, o país contabiliza 338.220 casos de contaminação por Covid-19 e 30.712 mortes. No entanto, após controlar o número de infecções, a França vem enfrentando uma alta expressiva de novos casos nas últimas semanas, em níveis semelhantes ao mês de abril. (ANSA).


FONTE: Microsoft News


Nenhum comentário:

Postar um comentário