sexta-feira, 9 de outubro de 2020

TEMPERATURA PASSA DE 40° GRAUS NA REGIÃO DA BACIA DO PARAMIRIM E OS OVOS ESTÃO SENDO FRITADOS EM QUALQUER LUGAR



Ulissinho de Livramento me enviou essas fotos da temperatura em nossa região, ele esta preocupado com esse aumento sem explicação.

Jovane Sales frita ovo em pedra da piscina

Na quarentena social em que estou por causa da Pandemia da COVID-19 fritei ovo na pedra ao lado da piscina em minha residência, desse dia até hoje a temperatura continuou subindo sem controle na nossa região e em todo o Brasil.


Cuiabá, ovo foi fritado em asfalto, será que está quente por lá.

 DISTRITO FEDERAL TEM MAIOR TEMPERATURA JÁ REGISTRADA NA HISTÓRIA...

O Distrito Federal atingiu hoje um novo recorde de alta temperatura. Segundo as medições do Inmet (Instituto Nacional de Meteorologia), a região registrou 37,3ºC, e 12% de umidade relativa do ar, por volta das 15h. O pico foi observado na cidade do Gama. Em 2017, o Distrito Federal marcou essa mesma temperatura, registrada, na época, na cidade de Planaltina. Na região central da capital, o Plano Piloto, a temperatura foi a maior já registrada em 60 anos: 36,5º C, quebrando um recorde anterior, de 2015, quando a temperatura medida foi de 36,4º C.... 

Altas temperaturas influenciaram nas queimadas da Amazônia

SETEMBRO FOI O MÊS MAIS QUENTE DO MUNDO NA HISTÓRIA, APONTA ESTUDO EUROPEU...

O mês de setembro de 2020 foi o mais quente na história, de acordo com o C3S (Copernicus Climate Change), um centro europeu de pesquisas. O instituto levou em consideração temperaturas do mundo todo na análise. No Brasil, as temperaturas altas influenciaram nas queimadas da Amazônia e do Pantanal, de acordo com o C3S. O calor também quebrou recordes no Paraná, Rio de Janeiro e São Paulo. A capital paulista teve o mês mais quente da história, segundo dados do Inmet (Instituto Nacional de Meteorologia). E existe a tendência de mais calor nos próximos dias, com possibilidade de termos a maior temperatura já registrada no Brasil....


 FONTE: NOTICIA UOL

 

Nenhum comentário:

Postar um comentário