sexta-feira, 22 de janeiro de 2021

SAIBA TUDO QUE ACONTECEU NA PRIMEIRA SESSÃO ORDINÁRIA DA CÂMARA MUNICIPAL DE VEREADORES DE MACAÚBAS NO ANO DE 2021 (21.JAN.2021)

A 1ª Sessão Ordinária do Primeiro Período Legislativo da Legislatura 2021-2022 da Câmara Municipal de Macaúbas foi realizada nesta quinta-feira, 21 de janeiro de 2021, às 8h, no plenário da casa da cidadania.

O Presidente do Legislativo, Roberto Carlos Rocha fez a abertura dos trabalhos, dando boas vindas a todos os vereadores, pessoas presentes e a população que estava acompanhado pela Rádio 103,9 ou pelo Facebook da Câmara de Macaúbas na internet.

https:// www.facebook.com/perfildacamarademacaubas 

Todos os vereadores fizeram o uso da palavra, falaram das expectativas, falhas e acertos do executivo e expressaram o compromisso em fazer um bom trabalho na contribuição de uma Macaúbas melhor.  A Vereadora Márcia Benda deu entrada em um Projeto de Lei do Legislativo e o Vereador Valmir deu entrada em várias indicações.

Site da Câmara de Vereadores “A casa da cidadania”

 www.camaramacaubas.ba.gov.br

Os Blogueiros Jovane Sales www.blogjovanesales.com.br, Alécio Brandão www.blogdoaleciobrandao.com.br, Dudu Souza www.portaldemacaubas.com.br, Itamar Alves, Enfermeira Claúdia, Empresário Jusa, funcionários e demais presentes foram saudados pelos Vereadores, resaltando que todos os presentes mantiveram o distanciamento entre se e usaram máscara e álcool gel durante toda a sessão por causa da COVID-19.

Os Vereadores já mostraram na primeira sessão como irão trabalhar, os Vereadores da oposição (10 no total) estão falando a mesma linguagem, todos disseram que não irão trabalhar contra o executivo que, os projetos enviados pelo mesmo que forem para melhorar a vida da população Macaubenses terão o apoio de todos, mas, farão o seu papel de fiscalizar os atos do Executivo e cobrar as promessas de campanha.

Os Vereadores da situação (05 no total) fizeram o seu trabalho de defender os erros do executivo, o Vereador Marcelo Nogueira não pode estar presente, mas, justificou sua ausência.

Durante os discursos dos vereadores, tanto dos mais experimentados como dos neófitos, o tema central foi à saúde, entre críticas, elogios e tons de ponderação, os vereadores de oposição e de situação concordaram em dar mais atenção à saúde, como a reativação de todos os Postos de Saúde, dar continuidade a barreira sanitária, contratação de servidores entre outros. 


NA PRIMEIRA SESSÃO OS VEREADORES TOMARAM DECISÕES IMPORTANTES COMO:

- Na primeira sessão de reabertura dos trabalhos do Legislativo Municipal, o presidente da Câmara Carlinhos de Antero a pedido de alguns vereadores colocou em votação e foi aprovado por todos os Vereadores presentes a convocação oficial da Secretária de Saúde de Macaúbas, para a próxima sessão legislativa que acontecerá no próximo dia 28.jan.2021, a Sra. Ana Gloria Silva F. Santos, passou a ser a titular da pasta, a partir de publicação no Diário Oficial do dia 19/01/2021, o convite irá ressaltar que não será permitida a substituição da funcionária por outra pessoa nem mesmo por procuração.

A razão pela convocação da Secretária de Saúde, pelo Legislativo, conforme prevê a Lei Orgânica do Município, é para que a mesa possa passar informações dos serviços, demandas, planejamentos da Secretaria a qual é titular, bem como a convidada deverá responder questões propostas pelos vereadores. Ofício ratificando a aprovação de sua convocação deverá ser encaminhado a Secretaria da Saúde, com marcação de data, horários e outros protocolos de praxe.

- A vereadora Márcia Benda apresentou na primeira sessão do Legislativo Municipal Projeto de Lei do Legislativo 001/2021, realizada na manhã desta quinta feira, 21, projeto esse que dá nome ao Centro de Fisioterapia, que foi construído ao lado do Centro de Saúde na gestão passada e já vem funcionando desde o ano passado  e já se encontra todo equipado; o nome da fisioterapeuta  Marilene Figueiredo Morais Cambui, falecida num trágico acidente de carro quando em serviço, Marilene, também conhecida por “Danzinha”, era esposa do pintor autodidata Junior Cambui – o Projeto de Lei deverá ser apreciado pelo plenário na próxima sessão.

Em sua fala Márcia também falou da falta de estrutura da Delegacia de Polícia de Macaúbas, na carência que tem quanto a espaço apropriado para receber demandas da população feminina, quanto a prestação de queixas e falta de ambiente apropriado que não gere constrangimento a depoente/vítima. A parlamentar também lembrou os brutais crimes ocorridos em Macaúbas contra a mulher, se referindo aos dois feminicídios que aconteceu no início do ano de 2021, comoveu toda comunidade Macaubense e foi manchete nas mídias do município, estado e do Brasil.

Por fim, a vereadora também pediu do novo governo mais atenção ao setor de saúde, se colocou a disposição para ajudar e contribuir, e disse que toda gestão no seu início enfrenta problemas e que aos poucos a atual deve se ajustar e prestar os serviços que o povo merece e precisa.

E NA PRIMEIRA SESSÃO O QUE FALARAM OS VEREADORES DE MACAÚBAS?

VEREADOR IÉ - eleito como líder da oposição falou sobre o descaso que está acontecendo no município de Macaúbas, nada esta funcionando bem, monitoramento da COVID-19 e barreira sanitária não existem, é uma falta de respeito com a população de Macaúbas, o Prefeito dizia que era errado contratar funcionários aposentados e  já contratou vários, e para piorar está demitindo funcionários competentes e colocando em seus lugares pessoas despreparadas, o Vereador mostrou a sua indignação com o fechamento dos postos de saúde na sua região e em todo o município e solicitou a abertura imediata dos mesmos.

O Vereador Ié agradeceu pela confiança em ter sido escolhido como líder da oposição, que seus colegas Marciel e Wilian também seriam bons nomes para esse cargo importante, o Vereador disse que o papel dele e de seus colegas de bancada não é criticar as ações do Prefeito e nem votar contra os projetos que serão enviados pelo mesmo, o Vereador Ié e seus colegas de bancada disseram que todos os Projetos enviados pelo executivo e que forem em benefício da população Macaubense terão o apoio da oposição, mas, que eles irão cobrar as promessas feitas pelo atual prefeito e fiscalizar as contas e ações da Prefeitura, agradeceu aos eleitores pela confiança em elegê-lo por 5 mandatos, disse que o atual gestor Aloysio não vai com a cara do vereador, além de não atender as ligações, está tomando atitudes sem solicitar a autorização da Câmara dando exemplo da nomeação do novo Procurador Geral do município, que o gestor já falou que será sem solicitar aprovação da câmara de Vereadores “A CASA DA CIDADANIA”, disse que o escolhido é bom nome mas, não tinha ainda sido aprovado pelos Vereadores, e para encerrar o Vereador comentou sobre a falta de água na comunidade de Pajeú do pau D’Arco.

 

 

VEREADOR VALMIR - pediu aos colegas apoio para suas indicações que visam melhorar a vida da população Macaubense, comentou também sobre a troca na Prefeitura de funcionários competentes por funcionários despreparados dando o exemplo de Rosi que trabalhava no posto de saúde da comunidade do Açude, disse que a mesma não votou no Ex-Prefeito Amelinho, mas, foi mantida no cargo pelo ex-prefeito por sua competência, as suas palavras receberam apoio da Vereadora Márcia Benda e vários Vereadores, o Vereador ressaltou o medo de voltar a época das perseguições políticas.

O Vereador Valmir falou da necessidade da união dos gestores municipais para buscar projetos para a região, disse que os Prefeitos brigam entre si e prejudicam a população, que é necessário acabar com a politicagem, que ouviu dizer em uma conversa sobre fechar a UPA, que ele acha essa idéia um absurdo, disse que o Vereador que o antecedeu estava enganado quando disse que o Hospital de Macaúbas não fazia parto Cesário e agora faz, pois, o Hospital nunca deixou de fazer parto Cesáreo dando exemplo que no 11 de dezembro de 2020 mesmo havia acontecido uma parto de uma vizinha sua no Hospital, que o único atendimento que o hospital não estava realizando era cirurgias eletivas devido a falta de anestesia por causa da COVID-19.

 


VEREADOR WILLIAN - mostrou que o sangue da política corre em suas feias, filho do grande Líder Político Dema, Willian deu show na primeira sessão e parecia Vereador de vários mandatos, falou sobre os erros do executivo, disse que o mesmo deveria ter uma assessoria melhor, deu como exemplo o Decreto de calamidade pública assinado pelo Prefeito que no outro dia assinou uma portaria autorizando a abertura dos bares.

O Vereador Willian disse que ele tem esperança que a atual gestão não faça voltar o tempo da ditadura, falou sobre o excesso de funcionários da Prefeitura em apenas 21 dias de mandato, sobre as leis que devem ser respeitadas pelo executivo, o que parece não estar sendo feito, que ira cobrar a aprovação do plano de carreira dos funcionários, que os Vereadores precisam acompanhar as novas nomeações, citando exemplo de um funcionário contrato para trabalhar 240 horas, pediu abertura do posto de saúde do curral novo e ainda comentou sobre a belíssima ação da comunidade de contendas que estão realizando vaquinha para limpar a lagoa que é de obrigação da Prefeitura.

  

 

VEREADOR MACIEL - solicitou a convocação da secretaria de saúde para explicar o plano de trabalho de sua secretaria, pediu aos Vereadores da situação (já que a bancada ainda não tem liderança) que solicitasse do Prefeito a abertura imediata dos postos de saúde do município dando exemplo do posto de Betânia que fica a 35 km da sede do município estava fechado e os moradores não estavam tendo nenhum atendimento, disse que já se passaram mais de 2 meses em que o Prefeito foi eleito e que já deveria estar com tudo organizado principalmente a área da Saúde que é extremamente importante.

 


VEREADOR VÁ DE LINDOLFO -  pede aos seus colegas para da um tempo ao atual Prefeito para se organizar que o mesmo já autorizou a limpeza das ruas e que o parto Cesáreo que não estava sendo realizada no hospital já está sendo feito, para encerrar suas palavras, o Vereador Vá disse que ele não tem compromisso com nenhum partido que o compromisso dele é como o povo, disse que se o Prefeito for bom fica e se for ruim o povo tira, como aconteceu com o ex-prefeito.

 

VEREADOR RICARDO DE LUIZ DE TEOBALDO - disse que o Prefeito precisa da mais atenção aos Vereadores, que ele mesmo que é um Vereador da situação, ou seja, do grupo do prefeito está tendo dificuldades em falar com o mesmo, que os Vereadores precisam tomar o seu rumo, pois, tem alguns que não sabem o que querem, que os mesmos são Vereadores de dois discursos.

Esse Blog afirma que isso não irá acontecer com nenhum Vereador e Macaúbas nem de todo o Brasil, principalmente com os de Macaúbas por serem homens honestos e de palavras, ressalvo que a vaga do Vereador pertence ao partido, se os Vereadores não seguirem a orientação do partido pode perder o mandato.

O Supremo Tribunal Federal decidiu por 8 votos a 3 que o mandato parlamentar pertence ao partido e não ao candidato eleito. Pela decisão, o deputado federal, estadual ou vereador que trocar de legenda ou não seguir as recomendações do partido pode responder a processo e perder o mandato.  


 


VEREADOR NEGO DE ELY -  disse que ainda não e hora de reclamar e fazer críticas pesadas ao atual Prefeito, pois, só tem 21 dias que ele assumiu.

VEREADOR NITO - agradeceu a Deus, sua família e aos eleitores pela confiança, pediu aos colegas paciência com o novo gestor, falou que o mesmo recebeu vários veículos quebrados e que o gestor não pode recuperar tudo em 21 dias.

VEREADOR JURANDIR MOTO TAXI - diz que pegou COVID-19, ficou isolado e agradeceu pela atenção que recebeu do monitoramento, pediu a abertura urgente do Posto de Saúde da comunidade de Veredinha e os demais postos que estão fechados, desejou boa sorte ao Prefeito Aloísio e que tudo que for enviado para melhorar a vida da população de Macaúbas terá o seu apoio.

 


VEREADOR E PRESIDENTE CARLINHOS DE ANTERO - disse a crítica realizada dizendo que todos os veículos estavam quebrados não é verdade, a maioria estava em excelente situação e comentou sobre todos os carros novos adquiridos pelos ex-prefeito Amelinho que chegaram no final do seu mandato como os 15 novos ônibus para as saúde, também comentou sobre a equipe de transição que não funcionou, foi um erro da atual gestão que agora quer jogar culpa no ex-prefeito.

VEREADOR KEKE - saudou aos presentes agradeceu aos 893 votos que teve, disse que vai honrar essa confiança, falou sobre os diversos erros da atual gestão já nos primeiros dias, comentou sobre o funcionário da saúde que foi barrado no seu local de trabalho (vergonhoso uma atitude dessas), fechamento das barreiras sanitárias, falou sobre os Precatórios, lembrou que o atual Prefeito disse em sua campanha que “QUEM DEVE TEM QUE PAGAR”, que esta esperando a Lei para pagamento dos Precatórios ser enviada a Câmara para poder votar a favor, essa Lei que o então candidato Aloysio disse que se ganhasse iria fazer e mandar para a Câmara aprovar, disse o Vereador Keke.

 

 

VEREADOR RICARDO COSTA - disse estar preocupado sobre a licitação das venda das folhas marcada para o dia 29.jan.2021, esta venda poderá trazer vários problemas para o município principalmente para os comerciantes e funcionários, falou que os carros que estavam estragados trabalharam muito por isso o desgaste, disse que a assessoria do atual prefeito é péssima, lembrou das palavras do colega da situação que comentou que o atual Prefeito não atende suas ligações, disse o Vereador Ricardo Costa se o atual Prefeito não atende ligações dos seus vereadores imagine os da oposição, que concorda com a ida da Secretária da Saúde na próxima sessão, mas, que venha a Secretaria de Saúde e que os Vereadores que são os representantes da população não aceitem que a Secretária sub-estabeleça a procuração para outra pessoa à representar. 


OBS: Como não deu para gravar a sessão posso ter trocado algum texto, solicito aos nobres Vereadores que se houve algum erro fineza me avisar que conserto, na próxima sessão só publicarei se receber o CD com a gravação para evitar erros.

Nenhum comentário:

Postar um comentário