domingo, 27 de setembro de 2020

COVID-19: MENSAGEM DE VALDILENE

 

VALDILENE MACÊDO

Estou cansada de dar explicação para todos e meu nome está ainda na boca de pessoas maldosas e sem caráter, não sou melhor e nem pior que ninguém,  fui consciente desde o primeiro momento em que comecei a sentir uns sintomas diferentes, me pareceu sintomas da COVID-19,  fui na UPA e pedir para fazer o teste, fizeram o teste rápido que deu NEGATIVO, mesmo assim, seguir as recomendações da secretaria de saúde do município de Macaúbas-Bahia e permaneci em casa em isolamento, depois fiz o teste de sangue que deu positivo.

Pessoas de má índole estão me acusando que espalhei o vírus pela cidade, eu fui contaminada por uma amiga que não sabia que estava com ele, cuidado com a lei do retorno, ele pode até tardar, mas não falha, esse vírus além de ter uma transmissão muito rápida e as vezes mata e traz junto com ele preconceito e a rejeição.

                               VALDILENE MACÊDO

Eu sou uma pessoa igual a qualquer outra, sou jovem e gosto de me divertir como qualquer outra jovem se ponha no meu lugar, tenham mais amor ao próximo, parem de julgar as pessoas sem ao menos conhecer, tenho mãe, pai, filha e irmãos, tenho uma família por trás de mim, respeitem a dor de quem está passando por uma situação tão difícil, estou em casa trancada sozinha, pagando por um erro que cometi, o que me conforta são as ligações que recebo dos meus verdadeiros amigos, amigas e da Secretaria de Saúde de Macaúbas que me liga várias vezes durante o dia para saber como estou passando e se preciso de alguma coisa.

Nessa pandemia toda vez que saia de casa usava a máscara e me cuidava, cometi um pequeno erro, fiquei perto de uma amiga sem me proteger pensando esta a salvo, nesse contanto fui contaminada, e estou pagando pelo meu erro, estou precisando é de apoio não de julgamento, não cometi nenhum crime e nem contaminei ninguém.

Não estou saindo de casa, mas, estou recebendo fotos dos bares de Macaúbas todos lotado e todo mundo sem máscara, todo mundo deve pensar que a Pandemia acabou, as pessoas ficam me julgando e estão roubando até mesmo o álcool gel que os bares colocam nas mesas para a proteção dos clientes, isso que é absurdo, enquanto isso estou em casa preza, só rezando para me curar e para que ninguém passe pelo que estou passando, queria poder ir na UPA visitar a mãe de minha amiga que esta passando mal com a COVID-19, mas, enquanto algumas pessoas ficam me julgando eu estou rezando para que ela não fique doente e passe pelo que estou passando.

 

VOU CITAR UM SALMO BÍBLICO

 

Mil cairão ao meu lado dez mil a minha direita, mas eu e minha família não seremos atingindo, salmo 91.

 

Sirvo a um Deus vivo e verdadeiro que esta entre nós, ele vai me proteger, a minha família, você e a sua também, te desejo o bem, sou a luz e o mal não está em mim e sim em você que sorrir e fala mal da dor do próximo.

Vocês que estão falando mal de mim, pense antes de falar, o vírus é invisível e pode está perto de você, lembre se disso; Enquanto você falar mal e me deseja o mal, eu estou rezando para que você não passe pelo que estou passando, e que as pessoas não julguem, como estão me julgando, ninguém se contamina por querer, mas, por um pequeno descuido.


Valdilene Macedo

 

OBS: assim que me recuperar vou a delegacia prestar queixa crime por ameaças, calunia e difamação.

Nenhum comentário:

Postar um comentário