quinta-feira, 24 de setembro de 2020

GOVERNO TERÁ ROMBO DE R$ 861 BILHÕES NAS CONTAS PÚBLICAS EM 2020

 

Diante dos gastos para conter a crise de covid-19, o governo atualizou a estimativa de rombo nas contas públicas em 2020, para R$ 861 bilhões. A cifra corresponde a 12% de tudo que é produzido pela economia em 1 ano.

O dado consta no Relatório de Receitas e Despesas divulgado nesta 3ª feira

Se a projeção do relatório se confirmar, o Brasil terá o pior resultado primário da série histórica, iniciada em 1997. A cifra inclui a diferença entre as receitas e despesas do governo central (Tesouro Nacional, Banco Central e Previdência Social), sem considerar o pagamento dos juros da dívida pública.

Na última previsão divulgada pelo governo, a estimativa para o deficit estava em R$ 787,4 bilhões.

Segundo o relatório, a receita primária no ano deve ser de R$ 1,446 trilhão. A despesa primária deve ser de R$ 2,046 trilhões.

Por causa da pandemia, o Congresso decretou estado de calamidade pública até 31 de dezembro. Com isso, o governo ficou dispensado de atingir a meta de deficit de R$ 124,1 bilhões em 2020.

 

 





Nenhum comentário:

Postar um comentário