quarta-feira, 7 de outubro de 2020

INMET EMITE ALERTA DE RISCO DE MORTE POR HIPERTERMIA POR CONTA DE ONDA DE CALOR

 

O Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet), por meio do Centro Virtual para Avisos de Eventos Meteorológicos Severos para o Sul da América do Sul, emitiu vários alertas da classificação “grande perigo” devido a uma onda de calor que deve atingir municípios dos estados de Goiás, Mato Grosso, Mato Grosso do Sul, Minas Gerais e São Paulo e Tocantins, além do Distrito Federal.

Desde o último sábado (3), alguns destes alertas passaram a vigorar com a finalidade de informar os riscos das condições extremas de temperatura. A advertência é para a possibilidade de hipertermia com risco de morte, quando as pessoas são expostas a temperaturas 5ºC acima da média por período maior do que 05 dias. Nestas condições, o calor pode comprometer ou até mesmo levar à falência de órgãos, como ocorre com uma certa frequência em algumas regiões dos Estados Unidos e da Europa nos verões mais rigorosos.

A situação permanece crítica na parte central do país pelo menos até o fim da semana e só deve ser amenizada caso se concretizem as previsões de chuvas sobre a região a partir da próxima segunda-feira (12). Até lá, deve ocorrer recordes de temperatura em muitas cidades do país, podendo chegar até 46ºC em algumas cidades do Centro-Oeste.

A recomendação à população destas localidades é para que se evite ao máximo a exposição ao sol e a prática de atividades físicas, principalmente no período da tarde. Também é recomendada atenção especial com a hidratação.

 

Nenhum comentário:

Postar um comentário